segunda-feira, 22 de maio de 2017

Saúde!!

Olá, pessoal!!

Gostaria de estar aqui falando de decoração e construção, mas infelizmente as notícias sobre a minha saúde não foram boas, e nem sobre meu marido que vai ter que fazer algumas cirurgias também, mas acredito em Deus que tudo que acontece tem um propósito, e me ensinou a ter esperança, além da força e coragem!

Fiz a videolaparoscopia, e peguei o diagnóstico ma segunda-feira, e não foi nada bom, mas hoje encontrei o meu problema, e não ia adiantar fazer Fertilizações que são processos médicos muito caros, e não ia vender minha casa e carro para isso, e vou tentar neste post fazer um desabafo, e quem sabe ajudar outras mulheres. 

Nunca tive problemas de saúde, mas de uns tempos para cá tive muita raiva, ódio, decepção, entre outros sentimentos ruins, e foi dado o sinal, e acredito que um pouco tarde, pois hoje tenho que controlar o colesterol e a diabete, mas que não impedia o sonho de ser mãe, e comentei aqui os conflitos que tivemos com os familiares do meu marido, e pessoas me deixaram mal colocando na minha cabeça que eu era obcecada em engravidar e invejosa, e me levou até a depressão o ano passado. Agradeço muito a Deus que me ensinou a ter forças e coragem. A construção da casa foi o meu maior amigo nessa fase tão difícil, e hoje somos muito felizes em nossa casa.

Não consegui engravidar antes, pois meu marido tinha varicocele, e os espermatozoides mortos, e foi descoberta a varicocele em 2009, e somente em 2013 meu marido fez a cirurgia, e mesmo assim ainda demorou um tempo para haver a melhora nos espermatozoides. E nessa época eu não tinha absolutamente nada, somente as inflamações de rotina em papanicolau. 

Em 2015 fiz uma fertilização in vitro por causa do meu marido, e consegui engravidar, mas perdi com umas 7 semanas ou mais, e foi tão bom conseguir sentir enjoos e sintomas de gravidez, até então não sabia a causa da perda. Lembro que conversei com o médico se eu poderia ter trombofilia, e somente indicou ASS e perguntei se as minhas trompas estavam boas, o médico é um especialista na área, e ele disse que pelo exame que fiz poderia ter um liquido nas trompas, e até pedi o encaminhamento para outro médico, e outrao laboratório para fazer o exame das trompas (histerossalpingografia), o meu laudo estava normal, mas as vezes tenho intuições. O dinheiro falou "mais alto" para o médico e tive muitos óvulos, e fui doadora, e me arrependo, não por ajudar outras mulheres, mas acabei sendo prejudicada, pois ele teria me dado o encaminhamento, e eu teria feito o tratamento a tempo, antes de gastar uma fortuna na fertilização.

Depois consegui engravidar mais duas vezes naturalmente, e não estava entendendo o que estava acontecendo que perdia tão cedo, e nem a minha médica que estava me acompanhando em exames de rotina, pois ela não é especialista, e acabei procurando outros médicos que somente me trataram muito mal, e me dispensavam, e como chorei nessa busca por um médico que eu pudesse confiar e que acreditasse em mim. 

Realizei um tratamento em Campinas-SP, as chamadas vacinas do marido, e o médico imunologista me pediu diversos exames, e fiz todos, e quase tudo normal, e constatou que tenho tromofilia, e achei que tinha descoberto o motivo das perdas. Em janeiro de 2016 viajei para Gramado, e lá tive essa dor, e saiu no vaso algo que parecia muito com uma vesícula, então as vacinas do marido ajudou no tratamento para engravidar, mas não para segurar. 

Depois tive muitos problemas com colesterol e diabete, e no meio do ano de 2016 decidi fazer outra fertilização in vitro, e foi tudo bem, e transferi, e o meu beta deu 5mui, mas no D6 deu uma listra bem clarinha no teste de gravidez, e demorou um pouco para a menstruação chegar, e saiu as duas vesículas, e não conseguiram implantar. 

Já não sabia mais o que fazer, e nem o que pensar, então o meu ginecologista em outubro de 2016 me deu um encaminhamento para um médico do convênio para ele fazer a histeroscopia e a videolaparoscopia cirúrgica investigativa , e o plano não negou, pois tive duas FIV com má implantação, um mioma e a idade. 

Consegui fazer a histeroscopia em dezembro do ano passado, e meu útero está perfeito, e meus ovários estão normais , e a videolaparoscopia não foi possível fazer, pois a atendente digitou códigos errados, então fiz o retorno em fevereiro de 2017, e demora 20 dias para o convênio liberar, e mais uns dias para a entrevista com o anestesista, e mais um mês para a disponibilidade do médico, e no dia 28 de abril fiz a videolaparoscopia. 

Tive o diagnóstico na segunda-feira passada, mas eu não sabia como era grave a situação, e cai no desespero semana passada, principalmente que o médico que fez a videolaparoscopia não mostrou o vídeo, e nem se tinha tratamento ou não, e jogou a bomba para o meu Ginecologista. Graças a Deus consegui a consulta no dia seguinte, e percebi como ele ficou chateado com aquele diagnóstico.

Ele me receitou alguns antibióticos para preservar meu útero e ovários, e indicou conversar com o médico da Fertilização, pois tenho alguns embriões congelados, mas já decidi que vou fazer a retirada das trompas. O meu diagnóstico: salpingite lateral, endometriose leve, hidrossalpinge, miomatose uterina e obstrução tubária direita. 

Não adianta eu fazer uma fertilização, pois a trompa que tem a hidrossalpinge que é um líquido tóxico, e se fizer a transferência de embriões não vai implantar. Ainda tenho mais um caminho a percorrer, mas nunca perdendo a esperança e a fé.

Fiz esse relato para vocês saberem o tanto que é difícil, e o tanto que tudo isso mexe muito com o emocional das pessoas, ninguém acreditava nas minhas dores e achavam que era frescura, e principalmente não acreditavam nas perdas que tive, a gente sabe que alguma coisa acontece ...e mulher não erra ...

Se alguém que tiver dificuldade ou uma infertilidade sem causa aparente, não desistam e nem tenham medo, e investiguem tudo e até mesmo exames que já tenham sido feitos ... Agora mais para frente quero vir aqui e fazer somente relatos bons!! E precisava desabafar....Gente minha casa está uma poeira, pois fiquei de repouso absoluto...

Já tive muito receio de realizar esse tipo de post, mas a vida é importante, e acredito que possa existir várias mulheres que estão na mesma situação que a minha, e infelizmente não tenho tempo de fazer um blog somente sobre gravidez, e já que esse é um diário acredito que tinha que desabafar...

Um abraço e beijo para todos!!!


8 comentários:

  1. Ei, Amanda! Sinto muito pelo que vc está passando, mas não desanime! Força e fé em Deus que Ele sabe de todas as coisas. Um grande abraço!

    ResponderExcluir
  2. Oi Amanda.
    Nossa, quanta coisa hein? Que Deus lhe dê forças para superar tudo isso. Eu também estou tentando engravidar e sei como é angustiante.
    Fique bem!

    www.acasadecaru.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Caru!! vi agora o post da sua mudança...Sua casa ficou linda!!

      Sabe Caru quero ser mãe, e acredito que isso é um desenho de toda mulher ...agradeço esse sonho que me ajudou, senão não teria descoberto nada. Já passei por outro médico depois desse post, e no momento não posso fazer outra videolaparoscopia para retirar as trompas, irei num endocrinologista, e o médico especialista em reprodução não deixou fazer outra fertilização e nem transferência de embrião, e disse que as minhas perdas e dores está relacionada com a endometriose, então durante mais ou menos um ano irei tomar o Alurene, e não irei menstruar, e infelizmente voltou a varicocele do meu marido, a médica fez o ultrassom dele errado, e descobriu essa semana, e já está atrás da cirurgia por causa de dores ...é uma fase, mas vai passar ... Difícil é encontrar médicos em quem confiar... Graças a Deus o meu Ginecologista está me ajudando muito...Tome cuidado com alguns exames, e descobri que peguei uma bactéria na Histerossalpingografia no final de 2014. Abraços!!

      Excluir
  3. Oi Amanda, achei muito bom seu post, acho SIM que voce precisa compartilhar isso, que assusta e frustra tantas mulheres!
    Achei de um carinho muito grande voce abrir sua vida, para ajudar outras pessoas! Parabéns !
    Graças a Deus eu nunca tive problemas ... mas a minha irma, passou por coisas terriveis, também teve abortos, teve uma gestação que a deixou 3 meses internada, e a bebe nasceu e morreu em seguida, com 7 meses ... Ela tem uma doença auto imune, que causava trombose, por isso a gestação na evoluia, mas com fé em Deus, tratamento e persistencia, hoje é ela é MAE, da minha sobrizinha linda e amada, a minha sobrinha tem 5 anos agora.
    Ela teve pressao alta também, enfim, nao foi facil, mas deu tudo certo! E pra voce de alguma forma vai dar também !!!!

    Bjusssss

    https://minhacasadochaoaoteto.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Amanda pelo carinho!! E achei lindo como você foi solidária com sua irmã, e entendeu como é uma situação difícil e dolorosa ...a família do meu marido viraram as costas para a gente, e acreditam que eles tem a razão,mas não sei em quê... mas hoje não me importo, e quero apenas me curar, e sei que tenho muitas coisas ainda para enfrentar ...Além de todos esses problemas que tenho agora, também tenho a tendência a formar trombos que causa trombose, já tive na perna esquerda, mas não foi tão grave ...Imagino hoje a felicidade da sua irmã, mas a dor que passou também...Abraços!!

      Excluir
  4. Olá amiga.
    Nossa, fiquei emocionada com seu post.
    Mas não desanima não, pra Deus nada é impossível!
    E ele vai conceder o desejo do seu coração!
    Eu creio!
    E que bom compartilhou isso tb, afinal nós somos humanos, por trás de tudo o que compartilhamos no blog.
    Bjo

    ResponderExcluir
  5. Olá! Tudo bem ? Eu também tenho trombofilia e minha tentativa deu certo logo na primeira vez, mas tive uma perda tardia com 31 semanaa. Nessa busca por diagnóstico,encontrei dois ótimos grupos do Facebook onde várias mulheres têm o mesmo problema que nós. Existem vários relatos como o teu,e trata-se de um grupo de apoio e troca de informações. Se caso vc queira procurar eles se chamam: Trombofilia e Trombofilia e gestação. Acredito que vc encontrará um lugar bem bacana se quiser se abrir e contar sua história. E acredito ainda que encontrará outras pessoas que tiveram diagnóstico parecido com o seu. Essea grupos me ajudaram mto no processo de conhecimento da doença e tratamento, enfim,em 2016 consegui engravidar com uso de enoxaparina e ass e deu tudo certo, m eu milagrinho hoje tem 1a5m. Espero mto que tudo se resolva para vc! E nunca perca sua fé,nunca mesmo!! Fique bem! Beijos, Schelbia Fontana.

    ResponderExcluir